sexta-feira, 12 de março de 2010

A FÉ

A FÉ

Pai Solano de Oxalá

A Fé é um processo que vem sendo determinado e medido inclusive pela ciência através de experiências feitas em inúmeros países. A fé e o poder da Oração feita com Fé já foram testados em casos de saúde e demonstraram sua efetividade. A Fé, no entanto, não pode se confundir com ansiedade. Muitos dizem ter Fé, mas na verdade estão ansiosos, desejosos, torcem para que aquilo que desejam ocorra, mas não com Fé, com desejo, vontade, etc.. Quantos, na demora no atendimento à sua vontade, emitem conceitos negativos (do tipo, somente eu não consigo, acontece somente comigo, como sou infeliz, etc. etc. etc.) que vão para o espaço, e retornam à mesma pessoa, seja pela emissão de vibrações negativas. Tudo isso acontece pela falta de Fé, confundida com a ansiedade que tem na busca de solução para seus problemas pessoais. A Fé não é crer em Deus. È SABER que Ele existe e está presente em nossa vida todo o tempo. Deus não se afasta de nós, nós é que nos afastamos Dele, através da desarmonia de ações, de energia e de valores. Aquele que realmente tem fé treme e balança, mas não cai: ”Filho de Umbanda balança, mas não cai”. Essa frase de um Ponto histórico, conhecido por, provavelmente, todos os Terreiros existentes no Brasil, dá uma demonstração do que significa a fé para um Umbandista. Mesmo nas horas mais difíceis da vida ele se vale de suas entidades e, sobretudo, de Deus (Olorum, Zambi, Obatalá, Tupã) e quando percebe já ultrapassou aqueles momentos que considerava impossíveis de superar. Essa é a Fé que diferencia e que resguarda dos malefícios do mundo.

Nenhum comentário: