domingo, 31 de janeiro de 2010

médium inconsciente

O assunto objeto desta matéria com certeza trará para alguns bastante dissabor e repulsa, pois tocará na vaidade e no ego daqueles que não querem que venham à baila determinadas verdades atinentes ao fenômeno da incorporação. No entanto, como o compromisso do Jornal Umbanda Hoje é ver os adeptos da religião mais esclarecidos e livres de determinados mitos que tanto prejudicam os iniciantes no culto, resta-nos tão somente esclarecermos um ponto nevrálgico sobre o presente tema.
Sabemos que na Umbanda fala-se muito em mediunidade de incorporação semiconsciente e inconsciente, que, via de regra, ensejam verdadeiras dicussões doutrinárias a respeito. Não vamos nos ater a explicarmos o processo de acoplamento de um espírito aos chakras e centros nervosos do médium, sendo tema para o futuro.
As incorporações em que os espíritos deixam completamente inconsciente o médium, com tomada integral de todas as faculdades biopsicomotoras, é fenômeno raríssimo nas religiões mediúnicas. Em tempos imemoriais, foi a forma encontrada pelos espíritos para cumprirem suas missões no plano físico sem que o medianeiro pudesse interferir em suas tarefas, pois muitas pessoas não acreditavam na ação dos espíritos sobre o corpo humano e, por isto, se tivessem alguma porcentagem de consciência, acabariam por intervir, voluntária ou involuntáriamente, no labor dos amigos espirituais.
Com o passar do tempo, e através de um maior estudo e consequente entendimento do que ocorria, a inconsciência dos médiuns foi pouco a pouco sendo elevada à semiconsciência, fenômeno pelo qual os espíritos agem conjuntamente com a psiquê do médium, que, mesmo manifestados, sabem de quase tudo o que se passa a seu redor, inclusive que estão sob o domínio parcial de uma força externa. Este tipo de incorporação (semiconsciente) predomina quase que inteiramente nos segmentos espiritualistas, porque é a que melhor se adequa às necessidades atuais.
Através da semiconsciência há uma interação entre o medianeiro e o espírito atuante, que são doutrinador e doutrinado ao mesmo tempo. Além disto, esta espécie de incorporação faz com que o médium seja co-responsável pela mensagem transmitida por um Caboclo, Preto-Velho, Exu etc.
O fato é que, na mediunidade de incorporação semiconsciente, que, diga-se de passagem, também tem seus graus de variação, o espírito ao desprender-se do médium com o qual trabalha, deixa neste quase que a totalidade das informações recebidas ou transmitidas durante uma sessão. Caso haja alguma necessidade, o espírito, atuando no sistema nervoso central e também no cérebro, pode fazer com que o médium deixe de lembrar de alguma coisa, mas isto é exceção. A regra é o médium lembrar-se de quase tudo que foi dito pelo espírito trabalhador.
Neste sentido, muito importante é o respeito e a obediência que os médiuns devem ter para com o segredo de sacerdócio, tópico que analisaremos oportunamente.
Infelizmente alguns médiuns que trabalham semiconscientemente insistem em dizer que não se lembram de nada depois que o espírito interventor se afasta. E o fazem por duas razões básicas:
primeiro, querem dar um maior valor a sua mediunidade, dizendo: ” eu sou especial porque trabalho sem consciência”;
segundo, para se eximirem de responsabilidade, caso haja alguma comunicação equivocada, por influência do próprio médium, dizendo este depois: ” eu sou inconsciente, quem errou foi o espírito”.
Repito: a mediunidade de incorporação inconsciente ainda existe, mas é raríssima, e quem a tem geralmente não fala, porque é assunto pessoal, e também é circunstância difícil de ser provada.
Na atualidade, não se concebe deixar os iniciantes com a falsa idéia de que, incorporados por um espírito, sua mente se apagará temporariamente. Muitos médiuns sob a ação dos espíritos acham que não estão incorporados, visto terem ouvido de outros que, durante a manifestação dos espíritos, não há consciência no médium. Criam com isto uma série de dúvidas na mente dos iniciantes, fazendo com que muitos pensem até não serem médiuns de incorporação.
A Umbanda vai crescer. E crescerá através de médiuns mais preparados, mais esclarecidos em relação aos fenômenos mediúnicos. Desta forma, farão cair por terra falsas verdades que estão, infelizmente, ainda sendo difundidas irresponsavelmente por alguns.
Jornal Umbanda Hoje

quinta-feira, 28 de janeiro de 2010

Reflexão

Discutir particularidades de culto, tirar dúvidas, pedir e dar sugestões é muito dígno e faz parte de qq fórum religioso, mas a vida religiosa pública e os fatos que nos ferem ou nos atingem como religiosos e membros de religiões que estão sofrendo discriminação religiosa tb merecem voz e discussão.

Por melhor que seja a crença na espiritualidade, nos Guias e nos Orixás, só isso não bastara contra as intolerância que sofremos, dos ataques que estamos sendo vítimas. É necessário discutir, unir e tomar providências de forma organizada e, nesse ponto, a Internet é uma força válida que nos une, mesmo mediante 'a distância física.

Um fato que está acontecendo é a união, discreta e tímida das pessoas de diversas religiões, e isso é muito bom, pois vem da base. De uma base que ainda não está viciada ou corrompida pela corrosão política ou econômica, em que pessoas de bem e jovens estão tomando uma posição frente 'a discriminação religiosa.

Hoje, dia 27 Janeiro de 2010, o Dia Internacional de Recordação do Holocausto, em reunião da Comissão Contra 'a Intolerância Religiosa (uma Comissão Plural, pois hj conta com a participação de Judeus, Umbandistas - de várias denominações - de Muçulmanos, Candomblecistas, hare krishna, Ciganos ... Mostrando que a Pluralidade Religiosa é uma benção e que é possível a união entre as religiões, na Pluralidade e na Diversidade, na luta por objetivos comuns), recebemos a denúncia de mais um ataque a uma casa de Candomblé em São Gonçalo, Niteroi, Rio de Janeiro.

Momentos após a vítima ter feito a denúncia, um jovem Judeu que faz parte da comissão pediu a palavra e disse , em síntese, que o que estão fazendo com aquela casa de candomblé o afeta, e afeta a todos ali, e a comunidade Judaica não irá ficar parada diante disso.

Foram poucas palavras, mas de um sentimento de alteridade, de equidade, de humanidade incríveis. Mostrando que o diálogo inter-religioso está mudando cabeças, está mudando culturas e permitindo que religiões se conheçam , se respeitem e lutem uma ao lado da outra, pelos seus objetivos em comum. No caso, algo que afeta a todos, que é a intolerância religiosa.

Aqui deixo uma lembrança para mostrar que não basta a Espiritualidade atuar, mas é necessário luta inteligente e sem violência, mas com união na busca de nossos direitos, para vencer essa grd aberração, essa grd ignorância que é a intolerância religiosa.

Primeiro levaram os negros
Mas não me importei com isso
Eu não era negro
Em seguida levaram alguns operários
Mas não me importei com isso
Eu também não era operário
Depois prenderam os miseráveis
Mas não me importei com isso
Porque eu não sou miserável
Depois agarraram uns desempregados
Mas como tenho meu emprego
Também não me importei
Agora estão me levando
Mas já é tarde
Como eu não me importei com ninguém
Ninguém se importa comigo

Adaptação do Texto do Teólogo Martin Niemöller (1892-1984)

Um grd abraço,

Pai Etiene Sales

quarta-feira, 20 de janeiro de 2010

SESSÃODE SAÚDE E DESCARREGO A DISTÂNCIA

Todas as mensagens serão encaminhadas para a Sessão DE DESCARREGO E SAÚDE, e colocadas para Irradiação à Distância (Sessão que se realiza nas últimas 4º feiras partir das 20:00 Horas). Através do Nome e Endereço e definir qual a parte da gira a pessoa precisará, se descarrego ou saúde. Mandaremos uma ficha a parte para aqueles que se manifestarem e quiserem participar . É um trabalho de grande eficiência realizado pelas Entidades-Guias, que assistem à Mediúnicamente a reunião que é dirigida pelo Pai Antônio de Aruanda.( Não é o Pai Antônio do início da Umbanda e incorporava em Zélio de Moraes.Este não Incorpora mais).os emails podem ser encaminhados para maemaria33@terra.com.br com prazo mínimo de dois dias

OXOSSI

A CASA BRANCA COMEMORA NO DIA 20 DE JANEIRO A SUA FESTA DE OXOSSI.CONVIDAMOS OS NOSSOS FILHOS , AMIGOS E FIÉIS.
Rua Senador modestino Gonçalves 81fone 9772-6290 ( Mãe Maria)

OXOSSI

OXÓSSI: É UM ORIXÁ MASCULINO, IORUBÁ, RESPONSÁVEL PELA FUNDAMENTAL ATIVIDADE DA CAÇA E DA PLANTAÇÃO. MANIFESTA-SE NO PLANO FÍSICO, ATRAVÉS DA FAUNA E FLORA. É O ORIXÁ PROTETOR DA LAVOURA. É O ORIXÁ DA FARTURA, DA LIBERDADE DE EXPRESSÃO, AQUELE QUE CAÇA O AXÉ ( A FORÇA), É O DONO DA CAÇA. MANIFESTA-SE EM AMBIENTES COMO MATAS FECHADAS, PARQUES ONDE ANIMAIS SÃO PRESERVADOS, ESPAÇOS ABERTOS, ENFIM É O ELO ENTRE OS HOMENS, OS ANIMAIS E OS VEGETAIS. ESTÁ LIGADO À TERRA DE ONDE SE OBTÉM TUDO. TEM EM COMUM COM OGUM A UTILIZAÇÃO DA FLORESTA.
SUA MORADA É A MATA, SOB UMA ÁRVORE FRONDOSA OU UMA CHOUPANA. É CHAMADO “O REI DA LUA, MORADOR NA LOCA DE PEDRA, DONO DAS MATAS, CAÇADOR DA BEIRA DO RIO E PRÍNCIPE ENCANTADO.”
OS HABITANTES DA MATA TEM EM OXÓSSI O SEU NATURAL DEFENSOR, POIS QUE DELE EMANA AMOR, VITALIDADE E HARMONIA. NENHUM ORIXÁ E TÃO DESPRENDIDO NAS SUAS AÇÕES, QUE TEM COMO RESULTANTE O RETEMPERAR DAS ENERGIAS PERDIDAS, EMPRESTANDO NOVOS ANSEIOS DE VIDA E IDEAL. OXÓSSI É O VIVIFICADOR DA HUMANIDADE.

OXOSSI E OSSÃE

ESSA LINHA TRAZ PARA OS FILHOS DE UMBANDA SOBRETUDO PERCEPÇÃO, INTUIÇÃO, CONHECIMENTO E AMOR À NATUREZA, ENERGIA DAS PLANTAS, ENERGIA DE CURA, FORÇA NA BUSCA DE SEUS SONHOS E IDEAIS, SABEDORIA NO TRATO COM PLANTAS, ANIMAIS E A TERRA. TRAZ AINDA O EQUILÍBRIO ENTRE O MUNDO ESPIRITUAL E O MUNDO FÍSICO; ENTRE A LUZ E A MATÉRIA.

SIMBOLISMO DAS CORES DE OXOSSI E OSSÃE

O VERDE DE OXÓSSI ESTÁ PERFEITAMENTE SIMBOLIZADO PELAS PLANTAS E PELA ÁGUA. AMBOS SÃO SÍMBOLOS DE REGENERAÇÃO. ASSIM, AQUELA PLANTA QUE ESTÁ PRATICAMENTE MORTA, QUANDO DA ESTAÇÃO SECA, RENASCE À PRIMEIRA CHUVA. ASSIM A JUNÇÃO DA ÁGUA E DAS PLANTAS CONFIGURAM ESSE RENASCIMENTO. SIGNIFICA, NO CAMPO RELIGIOSO O RENASCIMENTO ESPIRITUAL. ESTE SIGNIFICADO INICIA-SE COM O SANGUE DE JESUS DERRAMADO NA CRUZ (A CRUZ É A ÁRVORE SIMBÓLICA E O SANGUE A ÁGUA DE DEUS); ESSE FATO NA ANTIGÜIDADE ERA TÃO COMPREENDIDO E ACEITO QUE OS ESCULTORES DE IMAGEM, MUITAS VEZES, PINTAVAM A CRUZ DE VERDE COM BORDAS VERMELHAS PARA LEMBRAR O SIGNIFICADO DO RENASCIMENTO ESPIRITUAL DA HUMANIDADE PELO SACRIFÍCIO DE CRISTO. O AMARELO É A COR DO SOL, DO OURO; É UMA COR QUE POR SUA LUMINOSIDADE REPRESENTA A INTELIGÊNCIA E O CORAÇÃO (ESTE REPRESENTANDO O AMOR). TODAS AS RELIGIÕES TEM NO AMARELO UMA COR QUE REPRESENTA A LUTA CONTRA O QUE É MAL E IMPURO. A JUNÇÃO, NESTE RAIO, DAS CORES VERDE E VERDE E AMARELO, NOS PERMITE BUSCAR NA RELIGIÃO DE UMBANDA NOSSO RENASCIMENTO ESPIRITUAL, COM INTELIGÊNCIA, COM MAIOR PERCEPÇÃO DO MUNDO, SEM NOS DEIXARMOS LEVAR POR SUPERSTIÇÕES E COM UM ENORME SENTIMENTO DE AMOR POR TODAS AS CRIATURAS DE DEUS.

OS TRABALHADORES DE OXOSSI E OSSÃE

ESTA LINHA TEM COMO EXÚ GUARDIÃO O EXÚ DAS SETE CAPAS OU, SIMPLESMENTE, EXÚ SETE CAPAS. ESTE EXÚ, VINCULADO AO FOCO ONDE O ELEMENTO PRINCIPAL É O OXIGÊNIO, POIS COMO SABEMOS, OXOSSI É O REI DAS MATAS, DA AGRICULTURA, DA RENOVAÇÃO DA NATUREZA E DA VIDA SELVAGEM E OSSÃE É O REI DAS FOLHAS, ATRAVÉS DAS QUAIS SE FAZ A FOTOSSÍNTESE QUE É O PROCESSO RESPONSÁVEL PELA PRODUÇÃO DO OXIGÊNIO DURANTE O DIA E DO GÁS CARBÔNICO DURANTE A NOITE, NA NATUREZA. COMO SABEMOS, O GÁS CARBÔNICO É VENENOSO E PRODUZ A MORTE; TAMBÉM SABEMOS QUE ENTRE AS FIGURAS ARQUETÍPICAS DA HUMANIDADE A NOITE SIMBOLIZA NA MAIORIA DAS CULTURAS A MORTE. TANTO É ASSIM QUE UMA DAS EXPRESSÕES MAIS REPETIDAS NA LITERATURA DIZ, NESSAS OU EM OUTRAS PALAVRAS: “A NOITE DA MORTE BAIXOU SOBRE...; OU A NOITE DA MORTE TIROU O BRILHO DE SEU OLHOS”. ASSIM, A FALANGE DO EXÚ SETE CAPAS É A RESPONSÁVEL, NA UMBANDA, PELO ACOMPANHAMENTO DOS SEUS FILHOS EM SEUS ÚLTIMOS MOMENTOS ATÉ CHEGAR O MOMENTO DE CORTAR O CORDÃO FLUÍDICO (OU COMO É CONHECIDO, CORDÃO DE PRATA) QUE MANTÉM O ESPÍRITO LIGADO AO CORPO. É O FIM DA UTILIZAÇÃO, PELO CORPO DO OXIGÊNIO PRODUZIDO SOB A ENERGIA DE OXOSSI E OSSÃE. POR ISSO MESMO, DEVERÁ SER SEMPRE BUSCADA JUNTO AO EXÚ SETE CAPAS A PROTEÇÃO PARA AQUELES QUE AMAMOS, E PARA NÓS MESMOS, EM QUESTÕES GRAVES DE SAÚDE E NOS PEDIDOS PARA QUE PASSEMOS DESTA VIDA PARA O PLANO ASTRAL SEM MAIORES SOFRIMENTOS E QUE NOSSO ESPÍRITO POSSA RECEBER O DESLIGAMENTO DO PLANO MATERIAL SEM TRAUMAS E SEM CHOQUES. TAMBÉM NESSA LINHA DA UMBANDA, VÊM AQUELAS ENTIDADES QUE SE VINCULAM À NATUREZA SEJA PELA VIDA NATURAL QUE LEVAVAM, COMO OS CABOCLOS E CABOCLAS QUE NADA MAIS SÃO QUE OS ÍNDIOS QUE VIVIAM NAS TERRAS BRASILEIRAS; AS ENTIDADES QUE POR SEU TRABALHO TINHAM COMO TELHADO O INFINITO E COMO PROTEÇÃO AS COPAS DAS ÁRVORES: OS BOIADEIROS; E, FINALMENTE, AINDA PODEMOS CITAR COMO TRABALHADORES DESSA LINHA VÁRIAS ENTIDADES QUE CHEGAM COM O FIM ESPECÍFICO DA CURA; ESSAS ENTIDADES TRABALHAM COM DIVERSOS REMÉDIOS E BANHOS A PARTIR DE FOLHAS, FLORES, FRUTOS, SEMENTES, CASCAS E RAÍZES DAS PLANTAS.


ERVAS E FINALIDADES NO RITUAL E NA MEDICINA POPULAR
CONSAGRADAS A OXOSSI
A
ACÁCIA JUREMA: USADA EM BANHOS DE LIMPEZA, PRINCIPALMENTE DOS FILHOS DE OXÓSSI. É TAMBÉM UTILIZADA EM DEFUMAÇÕES. A MEDICINA POPULAR A UTILIZA EM BANHOS OU COMPRESSAS SOBRE ÚLCERAS, CANCROS, FLEIMÃO E NAS ERISIPELA.
ALECRIM DE CABOCLO: ERVA DE OXALÁ, PORÉM MAIS EXIGIDO NAS OBRIGAÇÕES DE OXÓSSI. NÃO POSSUI USO NA MEDICINA POPULAR.
ALFAVACA DO CAMPO: EMPREGA-SE NAS OBRIGAÇÕES DE CABEÇA, NOS BANHOS DE DESCARREGO E NOS ABÔ DOS FILHOS DO ORIXÁ A QUE PERTENCE. A MEDICINA CASEIRA APLICA ESTA PLANTA PARA COMBATER AS DOENÇAS DO APARELHO RESPIRATÓRIO, COMBATE PRINCIPALMENTE AS TOSSES E O CATARRO DOS BRÔNQUIOS; PREPARADO COMO XAROPE É EFICAZ CONTRA A COQUELUCHE. USADA EM CHÁ OU COZIMENTO DAS FOLHAS.
ALFAZEMA DE CABOCLO: CONHECIDA POPULARMENTE COMO JUREMINHA, A ALFAZEMA É USADA EM TODAS AS OBRIGAÇÕES DE CABEÇA, NOS BANHOS DE LIMPEZA OU ABÔ E NAS DEFUMAÇÕES PESSOAIS OU DE AMBIENTES. A MEDICINA CASEIRA USA OS PENDÕES FLORAIS, CONTRA AS TOSSES E BRONQUITES, APLICANDO O CHÁ.
ARAÇÁ – ARAÇÁ DE COROA: SUAS FOLHAS SÃO APLICADAS EM QUAISQUER OBRIGAÇÕES DE CABEÇA, NOS ABÔ E BANHOS DE PURIFICAÇÃO. A MEDICINA POPULAR CONSIDERA ESSA ESPÉCIE COMO UM ENERGÉTICO ADSTRINGENTE. CURA DESARRANJOS INTESTINAIS E PÕE FIM ÀS CÓLICAS.
ARAÇÁ DA PRAIA: PLANTA ARBÓREA PERTENCENTE A YEMANJÁ E A OXÓSSI. É EMPREGADA NAS OBRIGAÇÕES DE CABEÇA, NOS ABÔ E NOS BANHOS DE PURIFICAÇÃO DOS FILHOS DOS ORIXÁS A QUE PERTENCE. NO USO POPULAR CURA HEMORRAGIAS, USANDO-SE O COZIMENTO. DO MESMO MODO TAMBÉM É UTILIZADO PARA FAZER LAVAGENS GENITAIS.
ARAÇÁ DO CAMPO: É UTILIZADA EM BANHOS DE LIMPEZA OU DESCARREGO E EM DEFUMAÇÕES DE LOCAIS DE TRABALHO. A MEDICINA POPULAR EMPREGA O CHÁ CONTRA A DIARRÉIA OU DISENTERIA E COMO CORRETIVO DAS VIAS URINÁRIAS.
C
CAAPEBA PARIPAROBA: MUITO USADA NAS OBRIGAÇÕES DE CABEÇA E NOS ABÔ PARA AS OBRIGAÇÕES DOS FILHOS RECOLHIDOS. FOLHA DE MUITO PRESTÍGIO NOS CANDOMBLÉS KETU, POIS SERVE PARA TIRAR MÃO DE ZUMBI. A MEDICINA POPULAR UTILIZA SEU CHÁ PARA DEBELAR MALES DO FÍGADO, E O COZIMENTO DAS RAÍZES PARA EXTINGUIR AS DOENÇAS DO ÚTERO. SURTE EFEITO DIURÉTICO.
CABELO DE MILHO: SOMENTE O PÉ DO MILHO PERTENCE A OXÓSSI; AS ESPIGAS DE MILHO EM CASA PROPICIA DESPENSA FARTA. QUANDO SECAR TROQUE-A POR OUTRA VERDE. O CABELO DE MILHO É MUITO USADO PELA MEDICINA DO POVO COMO DIURÉTICO E DISSOLVENTE DOS CÁLCULOS RENAIS. É USADO EM CHÁ.
CAPIM LIMÃO : ERVA SAGRADA DE USO CONSTANTE NAS DEFUMAÇÕES PERIÓDICAS QUE SE FAZEM NOS TERREIROS. PROPICIA A APROXIMAÇÃO DE ESPÍRITOS PROTETORES. A MEDICINA CASEIRA A APLICA EM VÁRIOS CASOS: PARA RESFRIADOS, TOSSES, BRONQUITES, TAMBÉM NAS PERTURBAÇÕES DA DIGESTÃO, FACILITANDO O TRABALHO DO ESTÔMAGO.
CIPÓ CABOCLO: MUITO UTILIZADA EM BANHOS DE DESCARREGO. O POVO LHE DÁ GRANDE PRESTÍGIO AO LINFANTISMO, POR MEIO DE BANHOS. USADA DO MESMO MODO COMBATE INFLAMAÇÕES DAS PERNAS E DOS TESTÍCULOS.
CIPÓ CAMARÃO: USADA APENAS EM BANHOS DE LIMPEZA E DEFUMAÇÕES. O POVO INDICA QUE, EM COZIMENTO É DE GRANDE EFICÁCIA NO TRATO DAS FERIDAS E CONTUSÕES.
CIPÓ CRAVO: NÃO POSSUI USO RITUALÍSTICO. NA MEDICINA CASEIRA ATUA COMO DEBELADOR DAS DISPEPSIAS E DIFICULDADE DE DIGESTÃO. USA-SE O CHÁ AO DEITAR. É PACIFICADOR DOS NERVOS E PROPICIA UM SONO TRANQÜILO. A DOSE A SER USADA É UMA XÍCARA DAS DE CAFÉ AO DEITAR.
COCO DE IRI: SUA APLICAÇÃO SE RESTRINGE AOS BANHOS DE DESCARREGO, EMPREGANDO-SE AS FOLHAS. A MEDICINA CASEIRA INDICA AS SUAS RAÍZES COZIDAS PARA POR FIM AOS MALES DO APARELHO GENITAL FEMININO. É USADO EM BANHOS SEMICÚPIOS E LAVAGENS.
E
ERVA CURRALEIRA: APLICADA EM TODAS AS OBRIGAÇÕES DE CABEÇA E NOS ABÔ DOS FILHOS DO ORIXÁ DA CAÇA. NA MEDICINA POPULAR É APLICADA COMO DIURÉTICO E SUDORÍFICO, SENDO MUITO PRESTIGIADA NO TRATAMENTO DA SÍFILIS. USA-SE O COZIMENTO DAS FOLHAS.
G
GUINÉ CABOCLO: UTILIZADO EM TODAS AS OBRIGAÇÕES DE CABEÇA, NOS ABÔ, PARA QUAISQUER FILHOS, NOS BANHOS DE DESCARREGO OU LIMPEZA, ETC. INDISPENSÁVEL NO CANDOMBLÉ. O POVO USA PARA DEBELAR OS MALES DOS INTESTINOS, BENEFICIA O ESTÔMAGO NA MÁ DIGESTÃO. USA-SE O CHÁ.
GOIABA – GOIABEIRA: É UTILIZADA EM QUAISQUER OBRIGAÇÕES DE CABEÇA, NOS ABÔ E NOS BANHOS DE PURIFICAÇÃO DOS FILHOS DE OXÓSSI. A MEDICINA CASEIRA USA A GOIABEIRA COMO ADSTRINGENTE. CURA CÓLICAS E DISENTERIAS. EXCELENTE NAS DIARRÉIAS INFANTIS.
GROSELHA – GROSELHA BRANCA: SUAS FOLHAS E FRUTOS SÃO UTILIZADOS NOS BANHOS DE LIMPEZA E PURIFICAÇÃO. A MEDICINA POPULAR DIZ QUE SE FABRICA COM O FRUTO UM SABOROSO XAROPE QUE SE APLICA NAS TOSSES REBELDES QUE AMEAÇAM OS BRÔNQUIOS.
GUACO CHEIROSO: APLICA-SE NAS OBRIGAÇÕES DE CABEÇA E EM BANHOS DE LIMPEZA. POPULARMENTE, ESTA ERVA É CONHECIDA COMO CORAÇÃO DE JESUS. MEDICINALMENTE, COMBATE AS TOSSE REBELDES E ALIVIA BRONQUITES AGUDAS, USANDO-SE O XAROPE. COMO ANTIOFÍDICO (CONTRA O VENENO DE COBRA), USAM-SE AS FOLHAS SOCADAS NO LOCAL E, INTERNAMENTE, O CHÁ FORTE.
GUAXIMA COR DE ROSA: USADA EM QUAISQUER OBRIGAÇÕES DE CABEÇA E NOS ABÔ DOS FILHOS DO ORIXÁ DA CAÇA. É DE COSTUME USAR GALHOS DE GUAXIMA EM SACUDIMENTOS PESSOAIS E DOMICILIARES. MUITO ÚTIL O BANHO DAS PONTAS. A MEDICINA POPULAR USA AS FLORES CONTRA A TOSSE; AS FOLHAS SÃO EMOLIENTES; AS PONTAS, SEMENTES E FRUTOS SÃO ANTIFEBRIS.
GUINÉ CABOCLO: UTILIZADO EM TODAS AS OBRIGAÇÕES DE CABEÇA, NOS ABÔ, PARA QUAISQUER FILHOS, NOS BANHOS DE DESCARREGO OU LIMPEZA, ETC. INDISPENSÁVEL NA UMBANDA E NO CANDOMBLÉ. O POVO USA PARA DEBELAR OS MALES DOS INTESTINOS, BENEFICIA O ESTÔMAGO NA MÁ DIGESTÃO. USA-SE O CHÁ.
H
HISSOPO – ALFAZEMA DE CABOCLO: APLICADA NOS EBORI E NAS LAVAGENS DE CONTAS, DO MESMO MODO É EMPREGADO NOS ABÔ PARA LIMPEZA DOS INICIADOS. É MUITO USADO NAS AFECÇÕES RESPIRATÓRIAS, ELIMINA O CATARRO DOS BRÔNQUIOS. USA-SE O CHÁ.
I
INCENSO DE CABOCLO – CAPIM-LIMÃO: USADA NAS DEFUMAÇÕES DE AMBIENTES E NOS BANHOS DE DESCARREGO. O POVO A UTILIZA PARA EXTERMINAR RESFRIADOS, MINORAR AS BRONQUITES E, TAMBÉM, NAS PERTURBAÇÕES DA DIGESTÃO.
J
JABORANDI: DE GRANDE APLICAÇÃO NAS VÁRIAS OBRIGAÇÕES. A MEDICINA POPULAR ADOTOU ESTA PLANTA COMO ESSENCIAL NA LAVAGEM DOS CABELOS, TORNANDO-OS SEDOSOS E BRILHANTES. TEM GRANDE EFICÁCIA NAS PLEURISIAS, NAS BRONQUITES E FEBRES QUE TRAGAM ERUPÇÕES. USA-SE O CHÁ INTERNAMENTE.
JACATIRÃO: PLENO USO EM QUAISQUER OBRIGAÇÕES. O SEU PÉ, E CEPA SÃO LUGARES APROPRIADOS PARA ARRIAR OBRIGAÇÕES. NÃO POSSUI USO NA MEDICINA CASEIRA.
JUREMA BRANCA: APLICADA EM TODAS AS OBRIGAÇÕES DE ORI, EM BANHOS DE LIMPEZA OU DESCARREGO E ENTRA NOS ABÔ. É DE GRANDE IMPORTÂNCIA NAS DEFUMAÇÕES AMBIENTAIS. A MEDICINA CASEIRA INDICA AS CASCAS EM BANHOS E LAVAGENS COMO ADSTRINGENTE. EM CHÁ TEM EFEITO NARCÓTICO, CORRIGINDO A INSÔNIA.
M
MALVA DO CAMPO – MALVARISCO: SEU USO SE RESTRINGE AOS BANHOS DESCARREGO E LIMPEZA. O POVO A INDICA COMO DESINFLAMADORA NAS AFECÇÕES DA BOCA E GARGANTA. É EMOLIENTE, PROPICIANDO VIR A FURO OS TUMORES DA GENGIVA. USA-SE EM BOCHECHOS E GARGAREJOS.


P
PIPEREGUM VERDE – IPEREGUM VERDE: ERVA DE EXTRAORDINÁRIOS EFEITOS NAS VÁRIAS OBRIGAÇÕES DO RITUAL. A MEDICINA APONTA-A COMO DEBELADORA DE REUMATISMO, USANDO-SE BANHOS E COMPRESSAS.
PIPEREGUM VERDE E AMARELO: TEM O MESMO USO RITUALÍSTICO PRESCRITO PARA O PIPEREGUM DE OXÓSSI. ORIGINÁRIA DE GUINÉ, NA ÁFRICA. TRATA-SE DE UMA ERVA QUE POSSUI EXTRAORDINÁRIO EFEITOS NAS VÁRIAS OBRIGAÇÕES DO RITUAL, POSSUINDO GRANDE EFICÁCIA NOS SACUDIMENTOS PESSOAIS E DOMICILIARES E NOS ABÔ COMO AFASTAMENTO DE MÃO DE CABEÇA NO CASO DE ZELADOR (A) DE SANTO VIVO, CERCANDO AS PERNAS DA PESSOA COM FOLHAS DE PIPEREGUM OU AMARRADAS AO TORNOZELO, FEITO ISSO A CERIMÔNIA É INICIADA. A MEDICINA CASEIRA APONTA O PIPEREGUM COMO UM DOS MELHORES REMÉDIOS PARA DEBELAR O REUMATISMO, DEVENDO SER USADO EM BANHOS OU COMPRESSAS.
PITANGATUBA: USADO EM QUAISQUER OBRIGAÇÕES DE ORI, EBORI, LAVAGEM DE CONTAS E DAR DE COMER À CABEÇA. A FARMÁCIA DO POVO INDICA EM CHÁ, NOS CASOS DE FEBRES E TAMBÉM PARA DESOBSTRUIR OS BRÔNQUIOS.


BEBIDAS: ÁGUA DE COCO, ALUAS, GARAPAS, REFRESCOS, LICORES DE VÁRIOS FRUTOS, VINHO TINTO DOCE E SUMO DE SUAS PRÓPRIAS ERVAS E FRUTOS.

OFERENDAOFERENDAS

1 ABÓBORA MORANGA COZIDA EM UMA ASSADEIRA COM UMPOQUINHO DE ÁGUA (COZINHAR EM BANHO MARIA)
2 ESPIGAS DE MILHO VERDE (PALHA)
VINHO TINTO DOCE
VELA DE 7 DIAS VERDE
FLORES VARIADAS
SEMPRE VIVAS
SAMAMBAIA

COZINHAR O CAMARÃO SECO JÁ BATIDO
COM TEMPERO
EM MUITO POUCA ÁGUA.
QUANDO ESTIVER QUASE SECO, REGA-SE COM TOICINHO DERRETIDO EM AZEITE-DE-DENDÊ, MEXENDO SEMPRE ATÉ FICAR COMO UMA FRITURA.
ENTÃO MISTURA-SE COM OVOS BATIDOS, ATÉ FORMAR MASSA UNIFORME.
COLOCA-SE DENTRO DA ABOBORA
CANJICA DE MILHO VERDE
ESCOLHA 25 ESPIGAS DE MILHO VERDE E RALE. O MILHO TAMBÉM PODE SER TRITURADO EM PEDRA DE MÓ OU NO PILÃO. PODE ATÉ SER PASSADO NA MÁQUINA DE MOER, EVIDENTEMENTE DEPOIS DE DEBULHADO.
PARA APROVEITÁ-LO BEM, DESPEJE UMA XÍCARA DE ÁGUA NO RALADOR, A FIM DE RETIRAR TODA A POLPA. RETIRE E RESERVE O LEITE PURO DE DOIS COCOS. DESPEJE DOIS COPOS DE ÁGUA QUENTE NO BAGAÇO E ESPREMA, PODENDO REPETIR A OPERAÇÃO UMA OU DUAS VEZES PARA EXTRAIR TODO O LEITE.
MISTURE À MASSA DO MILHO O LEITE COM ÁGUA, PASSANDO EM PENEIRA FINA. JUNTE O SAL E AÇÚCAR A GOSTO. LEVE AO FOGO COM UM GOLE DE ÁGUA-DE-FLOR, MEXENDO ATÉ FERVER. AÍ JUNTE O LEITE PURO E DEIXE COZINHAR MAIS UM POUCO. PODE SER SERVIDO RALO OU NO PONTO, MAS DA SEGUNDA FORMA É MELHOR.
(CONHECE-SE O PONTO PINGANDO A CANJICA NUMA VASILHA DE ÁGUA FRIA. SE EMPASTAR, ESTÁ BOM; SE DISSOLVER, ESTÁ CRUA.)
A CANJICA BEM-FEITA É VIDRADA E TREME NA FACA QUANDO CORTADA, DEPOIS DE FRIA. SERVE-SE COM CANELA, QUE SÓ DEVE SER COLOCADA QUANDO A CANJICA ESFRIAR.
QUANDO FICA GELEADO É PORQUE O MILHO ESTAVA VERDE. SE RACHAR, NÃO FICAR COMPACTO, É QUE LEVOU MUITO COCO.

CAMARÃO DE OXÓSSI
RALAM-SE DOIS COCOS, JUNTA-SE CAMARÃO SECO À VONTADE, CEBOLA EM RODELAS, AZEITE-DE-DENDÊ E SAL. POR CIMA, VÃO DOZE OVOS BATIDOS COM AS GEMAS.
LEVA-SE AO FOGO BRANDO, DEIXANDO COZINHAR NA FRIGIDEIRA


AXOXÔ
É A COMIDA MAIS COMUM DE OXOSSI. COZINHA-SE MILHO VERMELHO SOMENTE EM ÁGUA, DEPOIS DEIXA-SE ESFRIAR, COLOCA-SE NUMA GAMELA E ENFEITA-SE POR CIMA COM FATIAS DE COCO. (PODE-SE COZINHAR JUNTO COM O MILHO, UM POUCO DE AMENDOIM).

QUIBEBE
DESCASCA-SE E CORTA-SE 1KG DE ABÓBORA EM PEDAÇOS. NUMA PANELA, FAZ-SE UM REFOGADO COM 2 COLHERES DE MANTEIGA E 1 CEBOLA MÉDIA PICADINHA, ATÉ QUE ESTA FIQUE TRANSPARENTE OU LEVEMENTE CORADA. ACRESCENTA-SE 2 OU 3 TOMATES CORTADOS EM PEDAÇOS MIÚDOS, 1 PIMENTA MALAGUETA SOCADA, E A ABÓBORA PICADA. PÕE-SE UM POUCO DE ÁGUA, SAL E AÇÚCAR. TAMPA-SE A PANELA E COZINHA-SE EM FOGO LENTO ATÉ QUE A ABÓBORA ESTEJA BEM MACIA. AO ARRUMAR NA TRAVESSA QUE VAI À COZINHA RITUALÍSTICA OXOSSI

AXOXÔ
É A COMIDA MAIS COMUM DE OXOSSI. COZINHA-SE MILHO VERMELHO SOMENTE EM ÁGUA, DEPOIS DEIXA-SE ESFRIAR, COLOCA-SE NUMA GAMELA E ENFEITA-SE POR CIMA COM FATIAS DE COCO. (PODE-SE COZINHAR JUNTO COM O MILHO, UM POUCO DE AMENDOIM).

QUIBEBE
DESCASCA-SE E CORTA-SE 1KG DE ABÓBORA EM PEDAÇOS. NUMA PANELA, FAZ-SE UM REFOGADO COM 2 COLHERES DE MANTEIGA E 1 CEBOLA MÉDIA PICADINHA, ATÉ QUE ESTA FIQUE TRANSPARENTE OU LEVEMENTE CORADA. ACRESCENTA-SE 2 OU 3 TOMATES CORTADOS EM PEDAÇOS MIÚDOS, 1 PIMENTA MALAGUETA SOCADA, E A ABÓBORA PICADA. PÕE-SE UM POUCO DE ÁGUA, SAL E AÇÚCAR. TAMPA-SE A PANELA E COZINHA-SE EM FOGO LENTO ATÉ QUE A ABÓBORA ESTEJA BEM MACIA. AO ARRUMAR NA TRAVESSA QUE VAI À MESA, AMASSA-SE UM POUCO.

PAMONHA DE MILHO VERDE
RALA-SE 24 ESPIGAS DE MILHO VERDE NÃO MUITO FINO. ESCORRE-SE O CALDO E MISTURA-SE O BAGAÇO COM 1 COCO RALADO(SEM TIRAR O LEITE DO COCO), TEMPERA-SE COM SAL E AÇÚCAR.
ENROLA-SE PEQUENAS PORÇÕES EM PALHA DE MILHO E AMARRA-SE BEM. COZINHA-SE NUMA PANELA GRANDE, EM ÁGUA A FERVER COM SAL, ATÉ QUE DESPRENDA UM BOM CHEIRO DE MILHO VERDE.



, AMASSA-SE UM POUCO.
PAMONHA DE MILHO VERDE
RALA-SE 24 ESPIGAS DE MILHO VERDE NÃO MUITO FINO. ESCORRE-SE O CALDO E MISTURA-SE O BAGAÇO COM 1 COCO RALADO(SEM TIRAR O LEITE DO COCO), TEMPERA-SE COM SAL E AÇÚCAR.
ENROLA-SE PEQUENAS PORÇÕES EM PALHA DE MILHO E AMARRA-SE BEM. COZINHA-SE NUMA PANELA GRANDE, EM ÁGUA A FERVER COM SAL, ATÉ QUE DESPRENDA UM BOM CHEIRO DE MILHO VERDE.

terça-feira, 12 de janeiro de 2010

Pai de Terreiro

A INCUMBÊNCIA DE DIRIGENTE DE UMBANDA, COMO DENOMINAM CARINHOSAMENTE DE PAI OU MÃE DE TERREIRO, É CARMA OU MÉRITO?
O MÉDIUM QUE RECEBE DA ESPIRITUALIDADE A MISSÃO DE
DIRIGIR UM AGRUPAMENTO DE OUTROS MÉDIUNS, O FAZ, EM PRIMEIRO LUGAR POR NECESSIDADE DE EVOLUÇÃO E EM SEGUNDO LUGAR PORQUE POSSUI A CONFIANÇA DAQUELES QUE LHE DÃO TAL INCUMBÊNCIA.VAMOS FALAR DAQUELES QUE RECEBERAM A MISSÃO DO PLANO ESPIRITUAL, PROJETO REALIZADO ANTES DE SUA ENCARNAÇÃO NA TERRA E NÃO DAQUELES DIRIGENTES " FEITOS" EM CURSOS.
TAREFA MEDIÚNICA DAS MAIS DIFÍCEIS E QUE EXIGE DEDICAÇÃO TOTAL DAQUELE ESPÍRITO REENCARNADO, ALÉM DE DOSE EXTREMA DE PACIÊNCIA, PERSEVERANÇA, HUMILDADE E AMOR. MAS AO MESMO TEMPO, EXIGE DELE TAMBÉM PULSO FIRME E FORTE PERSONALIDADE PARA IMPOSSIBILITAR QUE SUA COLHEITA SEJA PREJUDICADA PELA INVASÃO DE MAU EPÍRITOS.A DIFICULDADE DE CUMPRIR A TAREFA DE DIRIGENTE SEMPRE SE ACENTUA DENTRO DO TERREIRO, COM OS MÉDIUNS TODO MÉDIUM DE TAREFA, É UM SER ENCARNADO PARA CURAR SEU ESPÍRITO ENDIVIDADO E O TERREIRO É O HOSPITAL ONDE VAI SE INTERNAR POR UM LONGO TEMPO DE SUA VIDA NA TERRA. SABEMOS QUE A MAIORIA DOS PACIENTES SÃO IMPACIENTES, NÃO É MESMO? E AÍ É QUE COMPLICA!
O DIRIGENTE TAMBÉM NÃO DEIXA DE SER UM DOENTE QUE ALÉM DE SE TRATAR, AGORA PODE ESTAGIAR AJUDANDO AOS MÉDIUNS DE SUA CORRENTE " HOSPITALAR". ISSO NÃO O COLOCA COMO UM SEMI-DEUS PERFEITO DO QUAL NÃO SE ADMITEM MAIS ERROS, MUITO MENOS COMO ALGUÉM QUE TUDO PODE, EM QUALQUER HORA E EM QUALQUER SITUAÇÃO.
DELE SERÁ EXIGIDO POSTURAS MAIS FIRMES BEM COMO ENTENDIMENTO MAIS APURADO. ELE DEVERÁ SE APRIMORAR CONSTANTEMENTE COM ESTUDO E REFORMA ÍNTIMA, EXIGINDO DA CORRENTE IGUAL COMPROMISSO. TAIS POSTURAS SERÃO NECESSÁRIAS EM FUNÇÃO DO TAMANHO DE SUA RESPONSABILIDADE E DENTRE ELAS ESTÁ A DE CORTAR O MAL PELA RAIZ, PRIORIZANDO SEMPRE A CORRENTE COMO UM TODO, SEM PRIVILÉGIOS A QUEM QUER QUE SEJA.AO ASSUMIR TAL POSTO DIANTE DA ESPIRITUALIDADE, ANTES DE REENCARNAR, JÁ ESTARÁ CONSCIENTE DE QUE SUA VIDA NÃO SERÁ " COMUM" E QUE CERTAMENTE TERÁ QUE ABDICAR DE MUITAS COISAS MATERIAIS, EM FAVOR DO LADO ESPIRITUAL.

O TERMO PAI E MÃE AGRACIA O MÉDIUM COM A POSTURA DE SE COLOCAR COMO TAL, AMPARANDO, EDUCANDO E AUXILIANDO A CORRENTE COMO VERDADEIROS FILHOS DE SEU CORAÇÃO. TAREFA MAIS DIFÍCIL AINDA, POIS ESSES " FILHOS" NÃO VIERAM DE SEU VENTRE E NÃO NASCERAM ONTEM. SÃO ADULTOS, VICIADOS E COM PERSONALIDADE FORMADA. CADA UM COM SEUS EGOS AFLORADOS, COM SUAS NECESSIDADES DE EFORMULAÇÃO E O FATO DE PORTAREM A MEDIUNIDADE, JÁ OS QUALIFICA COMO DEVEDORES EM POTENCIAL.
E CERTAMENTE, REEDUCAR UM ADULTO É MUITO MAIS DIFÍCIL DO QUE EDUCAR UMA CRIANÇA. É PEPINO TORTO. OBSERVO NOS TERREIROS POR ONDE ANDO QUE MUITO SE EXIGE DO DIRIGENTE E MUITO POUCO SE RETRIBUI. FALTA NOS MÉDIUNS, DESDE RESPEITO ATÉ AQUILO QUE OS DEVERIA MOVER DENTRO DA CORRENTE, QUE É AMOR. HUMILDADE ENTÃO, MEUS FILHOS, É COISA RARA. EM COMPENSAÇÃO SOBRA BAJULAÇÃO, GERALMENTE USADA COMO MEIO DE SE FAZER PREFERIDO NA CORRENTE.
A TAREFA É TÃO ÁRDUA QUE MUITOS DESISTEM NA METADE DA CAMINHADA, OUTROS SE CORROMPEM, MAS, AINDA BEM QUE UMA GRANDE MAIORIA VOLTA À CASA COM SUA COROA ILUMINADA PELA LUZ DO DEVER CUMPRIDO E A ESTES, O MÉRITO DE CONSEGUIR DAR UM SALTO EM SUA EVOLUÇÃO.

quinta-feira, 7 de janeiro de 2010

Ser Umbandista

EU SOU UMBANDISTA!!!

Eu sou umbandista...mas o que é isso? O que é ser Umbandista?

É não Ter vergonha de dizer: " Eu sou Umbandista"

É não Ter vergonha de ser identificado como Umbandista

É se dar, acima de tudo a um trabalho espiritual

É saber que um terreiro, um centro, uma casa de Umbanda é um local espiritual, e
todos esses templos representam a Religião de Umbanda.

É saber respeitar para ser respeitado, é saber amar para ser amado, é saber ouvir e ser escutado, é saber dar um pouco de si para receber um pouco de Deus,

É saber que a Umbanda não faz milagres, quem os faz é Deus, e quem recebe, mereceu.

É saber que uma casa de Umbanda não vende nem dá salvação, mas oferece ajuda aos que querem encontrar um caminho,

É Ter respeito pela sua casa, por seus guias e pela religião, como um todo, como uma irmandade,

É saber conversar com seus guias e retirar todas as suas dúvidas,

É saber que nem sempre estamos preparados...e que é necessário sacrifícios e dedicação para o sacerdócio,

É entrar em um terreiro sem Ter hora de sair, ou sair do terreiro após o último consulente ser atendido,

É, mesmo sem fumar e beber, dar liberdade aos meus guias para que eles utilizem esses materiais para ajudar o próximo, confiando que me deixem sempre bem após as sessões,

É me dar ao meu Orixá para que ele me possua com sua força e me deixe um pouco dessa força para que eu possa viver meu dia a dia, numa luta constante em beneficio dos que necessitam de ajuda espiritual,

É sofrer por não negar que sou Umbandista, e ser o que sou com dignidade e dedicação,

É ser Umbandista e pedir sempre a Zambi para que eu não esteja Umbandista,

É acreditar, mesmo nos piores momentos, com a pior das doenças que os Orixás e os guias, mesmo que não possam nos tirar dessa situação, estarão ao nosso lado, momento a momento nos dando força,

É dizer sim, onde os outros dizem não,

É saber respeitar o que o outro faz como Umbanda, mesmo que seja diferente da nossa, mas sabendo que existe um propósito no que ambos estão fazendo,

É vestir o branco sem vaidade,

É colocar suas guias no pescoço e sentir o peso da responsabilidade, onde muitos posam com ostentação,

É chorar, sorrir e viver dentro de uma religião sem querer nada em troca,

É Ter vergonha de pedir aos Orixás por você, mas não Ter vergonha de pedir pelos outros,

É se alegrar por saber que a Umbanda é uma religião MARAVILHOSA.

Esse Texto Retirado do Site : http://ceose.blogspot.com/2008/08/eu-sou-umbandista.html

HÁ NECESSIDADE DO USO DE CHARUTOS E CACHIMBOS NA UMBANDA?

R- SIM HÁ A NECESSIDADE, POIS O FUMO TEM COMO FUNÇÃO A LIMPEZA, É É DIRECIONADA À PESSOA QUE VAI TOMAR O PASSE.ESTA DEFUMAÇÃO DESTRÓI CARGAS MAIS PESADAS PELAS SUAS BAFORADAS.ALÉM DE FUNÇÕES MAIS COMPLEXAS CONHECIDAS PELAS ENTIDADES.
ELAS AS ENTIDADES NÃO TRAGAM O FUMO ALÉM DO QUE CONSEGUIREM POR MEWIOS PRÓPRIOS NÃO DEIXAREM SEQÜELAS EM SEUS APARELHOS.
LÍLIAM RIBEIRO DA TULEF DIZIA QUE QUANTO MAIS EVOLUÍDA A ENTIDADE DE UMBANDA MAIS ELA USA ESTES INSTRUMENTOS DE LIMPEZA, PARA AQUELES QUE VÃO PARA DESABAFAREM SEUS PROBLEMAS E SEREM AGRACIADOS PELAS PALAVRAS CARINHOSAS DOS PRETOS VELHOS OU CABOCLOS.
EXISTEM ENTIDADES QUE MASCAM O FUMO.QUE É UMA MIRONGA DELA E RESPEITAMOS SEU MODO DE TRABALHO

domingo, 3 de janeiro de 2010

Dia de Reis - 6 de Janeiro-

Texto retirado na internete - www.universia.com.br/materia/materia.jsp?id...

Dia de Reis Magos, Festa de Reis ou, mais tecnicamente, Epifania. Mas, o que exatamente significa essa data e a celebração ligada à ela? "É o dia em que Jesus se manifesta para outros povos", explica o professor de Teologia da PUC-Rio (Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro) José Roberto Develar.
Diz a tradição que foi nesse dia que os Reis Magos viram a Estrela de Belém no céu e foram ao encontro de Jesus que havia nascido há pouco. Segundo a Bíblia, tendo Jesus nascido em Belém, no tempo do Rei Herodes, os Magos do Oriente chegaram a Jerusalém perguntando: "Onde está o Rei dos Judeus, recém-nascido? Vimos sua estrela e viemos adorá-lo".
"Porém, um Deus ser de todo mundo não era admissível para o povo de Israel", conta Develar. Os judeus almejavam um Deus nacional, que fosse apenas deles, e não alguém como Jesus, que vinha para unir todos os povos e crenças, afirma o teólogo.
A designação "Mago" era dada, entre os orientais, à classe dos sábios ou eruditos. Ignora-se a proveniência dos Reis Magos, mas supõe-se que fossem da Arábia, tendo em conta os presentes ofertados ao Menino Jesus: ouro, incenso e mirra, isto é, prendas que simbolizavam a realeza, a divindade e a imortalidade do novo Rei.
"A Bíblia não diz Reis, ela coloca como os `Magos vindos do Oriente´, e também não diz três, mas como Jesus recebeu três presentes, criou-se a tradição de falar que são três pessoas, cada uma dando um presente", desmistifica o professor.
Segundo a tradição, um era negro (africano), o outro branco (europeu) e o terceiro moreno (assírio ou persa) e representavam toda a humanidade conhecida daquela época. Quanto aos nomes dos três, o professor explica que tudo são suposições sem base histórica ou bíblica. Foi Beda, um cronista inglês que viveu entre 673 e 735 d.C., quem deu nome aos magos: Gaspar, Melchior (ou Belchior) e Baltazar.
Dia de Reis pelo mundo
"Essa festa se tornou uma grande celebração, por exemplo na igreja ortodoxa, tanto católica quanto russa. A Festa de Reis é celebrada com mais solenidade inclusive que o Natal", conta Develar.
Tanto é verdade, que em determinados países você ganha presentes no dia 6 de janeiro. Na Espanha, a data é chamada de Festa de Reis. Na Itália eles chamam a festa da "Befana". O professor explica que befana seria uma velha bruxinha boa que dá presente para as crianças. "É uma imagem bonita, porque tira aquela idéia da velha bruxa má que pega as crianças. No Natal, você sente, principalmente na Itália, a valorização do idoso", aponta. Essa tradição é seguida até hoje na Itália: ninguém recebe presente no dia 25 de dezembro e, sim, no dia 6 de janeiro. Na Europa inteira é feriado no Dia de Reis.
Segundo Develar, existem determinados presépios espalhados pela Europa nos quais os Magos são colocados apenas no dia 6 de janeiro, representando a real chegada à manjedoura. "E o menino Jesus, ao invés de estar deitado, é trocado por uma imagem de menino maior, e que está sentado no colo da mãe", conta o professor da PUC-Rio.
José Roberto acredita que nesses países você curte mais a festa de Natal. "O período do Natal vai até o batismo de Jesus, é um tempo maior. Mas hoje, com a pressa do mundo, para nós, brasileiros, no dia 1º de janeiro já é Carnaval".
Na Europa, as grandes compras são depois do dia 1º de janeiro, porque os presentes são dados apenas no dia 6. "O Brasil segue mais o calendário americano. Dessa forma poderíamos dizer que muito do sentido religioso se paganizou. É como se fosse uma festa de aniversário sem o aniversariante presente, um casamento sem a noiva. O personagem principal não está", desabafa Develar.
Além das comemorações descritas acima, é hoje que as decorações natalinas são desfeitas. Os enfeites são tirados das árvores, as guirlandas retiradas das portas, os presépios desmontados. Tudo é embalado cuidadosamente pelas famílias à espera do próximo Natal.
Reisado no Brasil
Apesar de a maioria dos brasileiros não estar tão ligada quanto os europeus à Festa de Reis, inúmeras comunidades, principalmente no interior do Brasil, promovem os chamados Reisados ou Folias de Reis, festas folclóricas que receberam a influência das origens européias da celebração mas que adotaram formas, cores e significados locais bastantes próprios de nosso povo na expressão que virou parte de nossa cultura.
Os Reisados brasileiros envolvem música, dança, celebração religiosa, orações, com elementos específicos mais marcantes dependendo da região do país, e acrescenta a tradição de que aqueles que recebem a visita do Reisado em suas casas (na realidade, o simbolismo representa a visita dos Reis Magos a Jesus) devem oferecer graciosamente comida a seus integrantes, que realizam toda sua preformance de tradição folclórica-religiosa local, enaltecem o hospedeito, agradecem pela comida e seguem para o próximo destino.
Mas, afinal, que estranha estrela seria essa que guiou os Reis Magos?
No final do ano de 1572, o astrônomo dinamarquês Tycho-Brahe descobriu uma estrela muito brilhante na constelação de Cassiopéia. Na verdade, o seu brilho era tanto que o novo astro pode ser visto mesmo à luz do dia, durante quase 20 meses. Mais tarde, esse fenômeno seria batizado de nova e supernova, denominações usadas em Astronomia para designar as estrelas que explodem, aumentando assustadoramente de brilho, e depois de algum tempo quase desaparecem do firmamento.
Contemporâneos de Tycho-Brahe viram no astro a mesma estrela que teria guiado os Magos, enquanto outros afirmavam que o fenômeno anunciava a chegada de um segundo Salvador. Astrônomos encontraram ocorrências de novas na primavera do ano 5 a.C., ano que não está em contradição com o provável nascimento de Jesus, que, segundo os teólogos, deve ter ocorrido entre os anos 5 e 7 a.C. e não no ano 1, como é comum imaginar. A hipótese da nova, ou supernova, encontra adeptos até os dias atuais.
Outra versão proposta pelo filósofo grego Orígenes (que viveu de 183 a 254 d.C.) supõe que o agora conhecido cometa Halley teria sido o astro visto pelos Magos. No entanto, dados apurados junto a registros dos chineses, observadores atentos dos astros celestes, indicam que a possibilidade de o cometa de Halley ser a Estrela de Belém representaria uma diferença de mais de 11 anos em relação à suposta data de nascimento de Jesus.
Alguns acreditam que a visão da estrela pode ter sido consequência de uma conjugação planetária. Este fenômeno ocorre quando dois planetas se movem e ficam próximos um do outro. O resultado visível desse movimento pode ser uma luz intensa. No entanto, os Magos, porque eram sábios, não deveriam deixar-se enganar por esse fenômeno.
Atualmente, ainda não existe nenhum consenso. O astrônomo britânico Patrick Moore, avança mais uma hipótese para o ocorrido. Segundo ele, a luz intensa vista naquelas localidades do Oriente não passou de uma chuva de meteoros.
A curiosidade relativa ao fenômeno que os Magos terão visto é tal ao ponto de até na Internet se discutir o que realmente aconteceu: em www.bethlehemstar.net (site em inglês), as informações e as teorias são exaustivas.

visite nosso site: www.casabrancadeoxala.org - vá na aba artigos.
Mãe Maria